Coorlece - Cooperativa de Otorrinolaringologia do Estado do Ceará

Notícias

Saúde vocal dos professores

O professor tem a voz como instrumento de trabalho. E muitos deles, na sala de aula, se preocupam com a 'matéria dada'. Conteúdo repassado direitinho para os alunos. No entanto, os professores deveriam se preocupar também com a saúde vocal. Isso é sério. Muitos tem uma rotina diária de seis a oito horas falando sem parar. E isso pode causar sérias conseqüências como calos nas cordas vocais, cansaço, perda das intensidade da voz , rouquidão etc.  

Os causadores das patologias na voz dos professores

Os educadores costumar falar virados para o quadro e conseqüentemente acabam inalando o pós do giz. Além disso, nem todas as salas de aula são bem ventiladas, o que acarreta também o aumento da respiração do pó de giz. Falar mais alto que os alunos também não ajuda muito.

O que as escolas podem fazer para melhorar a saúde vocal dos professores?

A instalação de sistema de som para o uso de microfones em salas maiores e a ingestão de líquidos podem ser boas tentativas de melhorar a saúde dos profissionais. Intervalos para que os educadores 'descansem' a voz também ajuda.

Dicas para manter uma voz saudável

*Tomar 2 litros de água diariamente para evitar a desidratação.

*Manter a intensidade normal da voz e articular bem. Nada de gritar ou cochichar.

*Aquecer a voz antes de usá-la por muito tempo profissionalmente. Principalmente nossos queridos professores.  Atenção! Cinco minutos de aquecimento vocal no caminho da escola pode fazer uma grande diferença.

*Após uma aula, onde se usou muito a voz, é necessário fazer um desaquecimento vocal. Como assim? Pode ser apenas permanecer cinco minutos sem falar.

E professores com distúrbios na voz. O que fazer?

Sintomas como rouquidão, cansaço ao falar e dor na garganta por mais de duas semanas devem ser investigados por um médico Otorrinolaringologista. O profissional conta com ajuda de exames endoscópicos para o correto diagnóstico. Dentre os exames utilizados temos a video-laringoscopia (avalia a laringe como um todo) sendo o exame principal na avaliação da rouquidão. Lembrando que o diagnóstico precoce é sempre bem vindo. O acompanhamento com um fonoaudiólogo também ajudará no tratamento. As técnicas vocais fortalecem os músculos do aparelho e evitam sérios problemas futuros como câncer de laringe.

 

Câncer de Laringe

Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer, o câncer da laringe corresponde a 25% dos tumores diagnosticados nessa região e 2% de todas as doenças malignas. Em 2016, foram registrados mais de 7 mil novos casos. 
No caso do câncer de laringe, se detectado precocemente, 90% dos casos tem chance.

Portanto, nada de descuidar da saúde vocal.  Sendo você um profissional da voz , faça exames periódicos. Procure um otorrinolarigologista. Ele juntamente com sua equipe pode avaliar o seu caso  para um tratamento específico e eficaz.

Notícias

Quais os principais tratamentos da labirintite?

Uma coisa que muita gente não sabe é que a labirintite pode desaparecer sozinha. Em algumas semanas, ela some por completo. Contudo, quando necessário, o tratamento visa principalmente a redução dos sintomas. Se a causa for infecção bacteriana, o médico lhe receitará um antibiótico e os si

O que é labirintite?

A labirintite é um termo comumente usado para designar uma afecção que pode comprometer tanto o equilíbrio quanto a audição. A condição afeta o labirinto, estrutura da orelha interna constituída pela cóclea (responsável pela audição) e o vestíbulo (responsável pelo equilíbrio). O uso

Sinusite em crianças

  Caracterizada como a infecção causada por bactérias na região dos seios paranasais, ou seja, cavidades revestidas por mucosas localizadas dentro do crânio, próximos ao nariz. Pode aparecer em vários pontos da face da criança: na testa (frontal), nas maçãs do rosto (maxilar), entre os o
20 Anos Coorlece