Coorlece - Cooperativa de Otorrinolaringologia do Estado do Ceará

Notícias

Saiba como identificar a Otite média

Comum em crianças, a enfermidade é corriqueira e pode se agravar caso não ocorra o tratamento

Não deve ser uma novidade pra você a palavra Otite. É uma enfermidade bem comum e que atinge muitas pessoas, sobretudo as crianças. Todo tipo de inflamação no ouvido se denomina Otite e ela se divide em três: externa, média e interna.

A Otite média é a que vamos tratar neste post. Ela pode se desenvolver, na maioria das vezes, devido à presença de um vírus ou uma bactérias no ouvido interno através da tuba auditiva. É possível afirmar que a otite média é mais comum em crianças, apesar de acometer pessoas de qualquer idade. O quadro costuma ocorrer durante ou logo após gripes e resfriados. Se não for tratada, pode levar à perda total da audição.

Tipos de otite média

Dentro da otite média, também existem divisões por diferentes tipos de enfermidades, que variam de acordo com os sintomas e o tempo de duração. A Otite média aguda é a forma mais comum de manifestação, que acompanha dor de ouvido e a febre, causadas pela infecção aguda do ouvido médio.

A Otite média serosa, também chamada de otite média com efusão, é diagnosticada quando há presença de líquido no ouvido médio.

Por último, a Otite média crônica supurativa é caracterizada pela presença de secreção purulenta persistente ou recorrente, além disso, também ocorre uma perfuração da membrana timpânica.

Sintomas de otite média

Como primeiro sintoma, a dor intensa é a mais comum e mais recorrente. O ouvido infectado mostra-se doloroso e apresenta um tímpano avermelhado e saliente. Nas crianças, os principais sintomas são febre, dor de ouvido e perda auditiva temporária. Estes sintomas habitualmente surgem de forma súbita. Também pode ocorrer náusea, vômitos e diarreia. Também deve-se tomar atenção com a presença de secreção ou acúmulo de líquido.

Tratamento para otite média

O tratamento requer o uso de analgésicos, e, caso haja sinais de infecção bacteriana, geralmente havendo secreção, o médico pode recomendar o uso de antibióticos. Em dois ou três dias, a febre desaparece, mas a audição pode exigir mais tempo para voltar ao normal. O tratamento costuma ser feito de acordo com a causa, indicado pelo médico

Quando a perda auditiva não diminui com o avanço das medicações e do tratamento, o indicado é investigar se há sinais de secreção retida atrás da orelha média. Caso existam, ela deve ser retirada cirurgicamente através de uma pequena incisão no tímpano.

 

Quer saber mais? Encontre já o otorrino mais perto de você! A Coorlece disponibiliza o aplicativo “Otorrino Já”, uma maneira muito mais fácil e funcional de marcar uma consulta com otorrinolaringologistas. Você pode selecionar qual médico mais próximo de sua residência e marcar sua consulta imediatamente. O aplicativo está disponível para as plataformas iOS (https://goo.gl/qqadTy) e Android (https://goo.gl/SYoCbw)

Notícias

Quais os principais tratamentos da labirintite?

Uma coisa que muita gente não sabe é que a labirintite pode desaparecer sozinha. Em algumas semanas, ela some por completo. Contudo, quando necessário, o tratamento visa principalmente a redução dos sintomas. Se a causa for infecção bacteriana, o médico lhe receitará um antibiótico e os si

O que é labirintite?

A labirintite é um termo comumente usado para designar uma afecção que pode comprometer tanto o equilíbrio quanto a audição. A condição afeta o labirinto, estrutura da orelha interna constituída pela cóclea (responsável pela audição) e o vestíbulo (responsável pelo equilíbrio). O uso

Sinusite em crianças

  Caracterizada como a infecção causada por bactérias na região dos seios paranasais, ou seja, cavidades revestidas por mucosas localizadas dentro do crânio, próximos ao nariz. Pode aparecer em vários pontos da face da criança: na testa (frontal), nas maçãs do rosto (maxilar), entre os o
20 Anos Coorlece